Financiamento ao Desenvolvimento
Acesso à informação
Financiamento ao Desenvolvimento

FINANCIAMENTO AO DESENVOLVIMENTO é o nome dado ao processo de Conferências das Nações Unidas que busca ampliar a capacidade financiadora, bem como mobilizar os recursos necessários para o cumprimento da agenda de Desenvolvimento Pós -2015.

Foi iniciado em março de 2002, no México, com a Conferência Internacional sobre Financiamento ao Desenvolvimento que procurou discutir e formular recomendações sobre comércio internacional, ajuda oficial externa, investimento estrangeiro direto, redução da dívida, mobilização interna de recursos e estruturação financeira global eficaz.

O Consenso de Monterrey, como ficou conhecido o documento assinado na ocasião, foi um marco na luta pelo desenvolvimento e o início de uma nova era na cooperação econômica entre as nações desenvolvidas, subdesenvolvidas e as instituições financeiras internacionais tais como Fundo Monetário Internacional, Banco Mundial e Organização Mundial do Comércio.

Um ano depois, em 2003, a ONU criou o Escritório de Financiamento ao Desenvolvimento (FfDO) com o intuito de promover e apoiar os acordos e compromissos firmados nas Conferências sobre Financiamento ao Desenvolvimento, tarefa de grande urgência e complexidade ao considerar-se a desaceleração mundial do crescimento diante da crise internacional.

Em 2008 foi realizada nova Conferência em Doha, que assim como a primeira contou com a participação de líderes empresariais, ministros e chefes de Estado, além de autoridades dos organismos internacionais a fim de reafirmar as metas pré estabelecidas ao elaborar a Declaração de Doha, assegurando o financiamento ao desenvolvimento ainda que num cenário externo de incerteza.

Agora, é a vez de Adis Abeba, na Etiópia, sediar nos dias 13 a 16 de julho de 2015 a III Conferência Internacional sobre Financiamento ao Desenvolvimento, onde um novo acordo intergovernamental será realizado de forma a contribuir para a execução da Agenda Pós-2015 de desenvolvimento.

A Conferência irá avaliar os progressos realizados na implementação do Consenso de Monterrey e da Declaração de Doha e identificar os obstáculos encontrados na realização de seus objetivos, bem como as ações e iniciativas para superar essas limitações e ainda tratar das novas questões emergentes, no contexto dos recentes esforços multilaterais para promover a cooperação internacional para o desenvolvimento.

PÁGINAS RELACIONADAS:

Financiamento ao Desenvolvimento – Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da ONU (Inglês)

Matéria sobre a Terceira Conferência Internacional sobre Financiamento ao Desenvolvimento – Cidades e Governos Locais Unidos – CGLU (Inglês)

DOCUMENTOS:

Elements

Zero Draft

Relatório da III Oficina “Diálogos sobre a Agenda Pós-2015” – SAF/SRI/PR

Compartilhe: